Devotos realizarão cortejo em homenagem a Iemanjá no próximo sábado

Cortejo iniciado no ano 2000 cresceu, tornando-se tradicional no calendário de eventos da cidade (Foto: Carlos Júnior)

Está confirmada a realização do cortejo ao orixá Iemanjá. Uma das festividades tradicionais de final de ano em Areia Branca-RN, acontecerá na tarde deste sábado (31), a partir das 16h, percorrendo várias ruas do centro da cidade, partindo da rua Duque de Caxias encerrando no Cais Tertuliano Fernandes, onde adeptos e simpatizantes das religiões de matrizes africanas embarcam para entregar oferendas à Iemanjá na foz do Rio Mossoró.

O cortejo marca o encerramento das festividades ao orixá mais popular no Brasil, a quem os religiosos atribui à alcunha de grande mãe, ou Iyá Ori. O babalorixá Noamã Pinheiro da Casa de Cultura de Matriz Africana Ilé Asé Dajó Ìyá Omí Sàbá, divulgou ainda que a programação social e religiosa tem início nesta quinta-feira (29), com a realização de encontro social de religiosos que debaterão sobre o empoderamento da Mulher e assuntos de interesse da comunidade.

Confira a programação detalhada:

29/12 – às 19h – 11º Encontro da Mulher e 4º Encontro de Juremeiros. Tema: “O Empoderamento da Mulher”. Palestrantes convidados: Zedequias Rocha e Lucia Helena Alves. Na oportunidade serão realizadas homenagens aos juremeiros João Pedro Soares e Pedro Medeiros de Souza (Im memorian);

30/12 – às 19h – Xirê ao orixá Iemanjá;

31/12 – às 16h – Saída do Cortejo pelas ruas de Areia Branca.

Os eventos sociais e religiosos acontecerão na Casa de Cultura de Matriz Africana Ilé Asé Dajó Ìyá Omí Sàbá, localizada na Rua Duque de Caxias, nº 362, centro.

Histórico

A tradição é datada a partir do ano 2000, quando religiosos do Ile Ase Dajó Ìyá Omí Sàbá resolveram caminhar pela cidade, encerrando no cais com a entrega de oferendas no encontro do rio com o mar.

Noamã Pinheiro explicou à reportagem que resolveu trazer a tradição para o centro da cidade por questões estruturais e de combate ao preconceito contra a tradição religiosa de origem africana.

Com o passar do tempo houve a crescente adesão de outras casas, bem como constatou-se o crescimento no número de pessoas que vão ao cais Tertuliano Fernandes para acompanhar os ritos de homenagem à divindade do candomblé.

Sindicato promoverá seminário sobre igualdade de direitos e oportunidades em Areia Branca

seminario-raca-fetam-sinspuambA Igualdade de Direitos e Oportundades é o tema principal do Seminário de Raça que será promovido na próxima sexta-feira (25), no plenário da Câmara Municipal de Areia Branca, no horário das 8h às 11h30 e das 14h às 17h.

Organizado pela Secretaria de Raça da Federação dos Trabalhadores em Administração Pública Municipal do Rio Grande do Norte (FETAM-RN), em parceria com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Areia Branca (SINSPUMAB), o seminário conta com a cooperação de lideres de religiões afro-brasileiras no município.

Além de discutir assuntos relacionados a luta por direitos e oportunidades que as entidades cotidianamente lutam, a plenária debaterá questões relacionadas ao Dia da Consciência Negra, comemorado no último dia 20 de novembro.

A servidora pública Francineide Pereciliano, secretária de Raça da FETAM-RN destaca a importância da participação da população no seminário: “Por ser de uma temática de grande importância para o dia a dia não só do servidor público mas para a comunidade em geral, é que convidamos toda a população para prestigiar este seminário que aborda questões sobre a luta por direitos na construção de uma sociedade  mais justa”, enfatizou.

Intolerância Religiosa será tema de encontro na Câmara Municipal

Encontro reunirá religiosos e estudiosos para discutir sobre intolerância religiosa (Foto; Mariano Silva/Arquivo)
Encontro reunirá religiosos e estudiosos para discutir sobre intolerância religiosa (Foto; Mariano Silva/Arquivo)

A intolerância religiosa será tema de debate na Câmara Municipal de Areia Branca-RN, nesta sexta-feira (26), as 19h. O assunto é a temática principal do 13º Encontro de Religiosos de Matriz Africana da cidade, promovido pela Casa de Cultura de Matriz Africana Ilê Asé Dajó Ìyá Omì Sàbá.

Conforme adiantou à reportagem o babalorixá Noamã Pinheiro, palestrantes e convidados discutirão sobre o assunto em diversas perspectivas. “Sabemos que os adeptos de candomblé e umbanda são vítimas cotidianas de preconceito e intolerância por suas crenças e convicções, mas seguidores de outras doutrinas bastante difundidas como o cristianismo e o espiritísmo também são atacados de diversas formas”, explicou.

Ritual da partilha será realizado no sábado (27), em via pública na Duque de Caxias, nº 362, centro. (Foto: Carlos Júnior)
Ritual da partilha será realizado no sábado (27), em via pública na Duque de Caxias, nº 362, centro. (Foto: Carlos Júnior)

Estarão presentes no debate, a antropóloga e professora da UERN, Dra. Eliane Anselmo e o babalorixá Melquisedec da Rocha. Os organizadores esperam receber adeptos de umbanda e candomblé da cidade e da região, universitários, representantes do governo através da Fundação de Cultura e representantes dos diversos segmentos da sociedade interessados no assunto. “Será mais um evento de cunho extremamente social, no qual a população é convidada para participar de forma ativa, contribuindo e debatendo com os oradores sobre a intolerância e o combate ao preconceito.

Festa do Olubajé 2016

O Encontro de Religiosos antecede a programação religiosa do Olubajé 2016 – O banquete do rei, que será realizado na sede da Casa de Cultura de Matriz Africana no sábado (27), a partir das 19h em ritual público na Rua Duque de Caxias, nº 362, centro de Areia Branca-RN.

Fundada em 27 de setembro de 1992, a Casa de Cultura de Matriz Africana Ilê Asé Dajó Ìyá Omì Sàbá tendo como matriarca a yalorixá Maria Pinheiro é um dos centros religiosos mais antigos e respeitados na cidade.

Posto Costa Branca

Encontro de religiosos discutiu escassez e gestão da água em Areia Branca

Aconteceu na noite de ontem (28), o 12º Encontro de Religiosos de Matriz Africana de Areia Branca, promovido pela Casa de Cultura Ilé Asé Dajó Ìyá Omí Sàbá.

Além dos religiosos, autoridades de diversos segmentos foram convidadas para participar. Alunos do ensino fundamental da Escola Municipal Valdecir Nunes da Silva apresentaram uma dança temática que chamou a atenção do público.

Convidado pelos organizadores, o gerente da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), em Areia Branca, Francinaldo Bezerra enfatizou a importância do uso racional da água.

Em entrevista ao site, o gerente agradece o convite e comenta sobre a atuação da companhia que efetuou investimentos para garantir o abastecimento no município.

Confira no vídeo.

 

Religiosos promoverão encontro para discutir conscientização sobre uso da água

Encontro reunirá religiosos e autoridades para debater uso correto da água (Foto; Mariano Silva/Arquivo)
Encontro reunirá religiosos e autoridades para debater uso correto da água (Foto; Mariano Silva/Arquivo)

“Água, uma questão de conscientização” é  tema principal do 12º Encontro de Religiosos de Matriz Africana, marcado para ocorrer na próxima sexta-feira (28), a partir das 19h na sede do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Areia Branca (Sinspumab), localizado na Rua Desembargador Filgueira, nº. 469, centro, Areia Branca-RN. O encontro é uma realização da Casa de Cultura de Matriz Africana Ilé Asé Dajó Ìyá Omí Sàbá.

O babalorixá Melquisedec da Rocha é o palestrante principal que abordará sobre o assunto no contexto religioso e social.

Para o babalorixá Noamã Pinheiro conscientizar a sociedade para o uso correto da água é uma necessidade urgente. “Esse é um assunto de grande importância em razão das longas estiagens no nordeste e a escassez de água vivenciada no sul e sudeste do país nos últimos anos”, explica.

Além do segmento religioso, Noamã Pinheiro espera reunir autoridades do município e a sociedade em geral. “O encontro é de religiosos de candomblé e umbanda, mas aberto à sociedade”, frisou.

O encontro de religiosos antecede a programação da Festa de Obaluwaiyé 2015 – O Olugbajé (Banquete do Rei), que será celebrado em via pública na Rua Duque de Caxias, nº 362, centro, no sábado (29), as 19h.

Friolar

Religiosos homenageiam José Jaime Rolim durante fórum social

Adeptos da Jurema debateram temas de interesse religioso e homenagearam José Jaime Rolim (Foto: Carlos Júnior)
Adeptos da Jurema debateram temas de interesse religioso e homenagearam José Jaime Rolim (Foto: Carlos Júnior)

Reunidos em torno da discussão sobre o poder de cura das ervas, adeptos do culto a Jurema Sagrada homenagearam o religioso José Jaime Rolim, falecido em julho de 2010 como importante personalidade religiosa, cultural, política e social.

A terceira edição do Fórum de Religiosos do Culto à Jurema Sagrada ocorreu na noite desta sexta-feira (29) na sede do Sindicato dos Servidores Públicos do Município e foi organizada pela Casa de Jurema Mestra Maria da Luz e Casa de Umbanda Pai José de Aruanda, esta última que foi fundada no ano de 1979 pelo homenageado da noite .

Os trabalhos foram conduzidos pelo juremeiro Noamã Pinheiro. Os religiosos Zedequias Rocha e Lucia Helena Alves palestraram sobre as ervas e o poder da cura.

O presidente da Fundação Areia Branca de Cultura, Aldemir Seixas e a gerente de Turismo Viviane Araújo participaram do fórum representando o poder público municipal.

Uma dança indígena foi apresentada ao público através do grupo Raízes de Jurema que é formado por jovens das casas que organizaram o encontro.

Os familiares de José Jaime Rolim acompanharam as homenagens ocorridas durante o evento.