abr 26

Praia de Areia Branca reúne condições para a prática de voos livres

O vento que corre constante no município de Areia Branca que é responsável por movimentar centenas de palas e gerar energia elétrica, passa também a ser explorado para a prática de voos de parapente.

Neste domingo (26), a reportagem registrou um grupo de parapentistas flanando sobre as falésias da praia de Ponta do Mel, no litoral areia-branquense.

Em contato com um dos praticantes, o mesmo revelou ser do estado do Ceará e que frequenta constantemente o local para voar ao lado de amigos.

Areia Branca é rica em potencialidades turísticas ainda não exploradas. Os voos de parapente são instrumentos de atração de turistas e fonte de geração de renda conhecida em outras localidades vizinhas que poderia ser adotado.

Confira o vídeo:

 

 

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/praia-de-areia-branca-reune-condicoes-para-a-pratica-de-voos-livres/

abr 25

Aposentado morre em colisão entre moto e carro na RN 404

Aposentado pilotava motocicleta Bros (Foto: Cedida / Rudigenesis Brazão - O Portomanguense)

Aposentado pilotava motocicleta Bros (Foto: Cedida / Rudigenesis Brazão – O Portomanguense)

O professor aposentado Francisco Elias Fagundes, de 55 anos, não resistiu a forte colisão entre sua motocicleta e um veículo, na noite de sexta-feira (24), e morreu em Areia Branca.

O acidente aconteceu na rodovia estadual RN 404, no povoado de Redonda, zona rural do município.

Francisco trafegava em uma motocicleta Bros, quando colidiu com um Kia Sportage que seguia no sentido contrário. A polícia não sabe o que pode ter motivado o acidente.

Família que viajava no carro sofreu ferimentos leves (Foto: Cedida/Rudigenesis Brazão - O Portomanguense)

Família que viajava no carro sofreu ferimentos leves (Foto: Cedida/Rudigenesis Brazão – O Portomanguense)

O aposentado morreu antes da chegada do socorro médico e teve o corpo recolhido pelo ITEP para ser examinado e liberado.

A família que trafegava no veículo não sofreu ferimentos graves e foram atendidos por uma ambulância até a unidade hospitalar de Areia Branca.

O caso será investigado em inquérito policial conduzido pelo delegado do município, Renato Batista.

Embora conte com fiscalização e sinalização para os perigos que o trecho possui, vários acidentes foram registrados nos últimos meses na localidade, principalmente em áreas próximas dos parques eólicos.

Com informações do site Mossoró Hoje

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/aposentado-morre-em-colisao-entre-moto-e-carro-na-rn-404/

abr 25

Feijoada Vip by Jean Rodrigues

Jean e a Feijoada Vip

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/feijoada-vip-by-jean-rodrigues-3/

abr 25

Transparência: apenas 31% dos portais das Prefeituras do RN tem informações de 2015

Mecanismo de divulgação de receitas e despesas ainda não foi implementado em 52% dos municípios do Estado (Foto: Carlos Júnior)

Mecanismo de divulgação de receitas e despesas ainda não foi implementado em 52% dos municípios do Estado (Foto: Carlos Júnior)

Dos 167 municípios do Rio Grande do Norte, 83% (138) possuem site oficial, 65% (113) possuem Portal da Transparência, mas apenas 31% (52) estão com algum dado de 2015 em seus sítios eletrônicos. O levantamento feito pelo Ministério Público Estadual e o Ministério Público Federal com o apoio da Controladoria-Geral da União no Estado (CGU/RN) será detalhado na próxima segunda-feira (27), em entrevista coletiva concedida à imprensa, a partir das 10h, na sede da Procuradoria-Geral de Justiça, em Candelária.

A avaliação da transparência dos municípios potiguares, buscando atender os anseios do cidadão em saber se o seu dinheiro está sendo investido pelo poder público local, foi o objetivo do trabalho realizado pelo MPRN e o MPF como apoio da CGU.

Os dados que serão apresentados tiveram como referência os meses de fevereiro e março deste ano de 2015. Hoje, há quase dois anos de quando todos os municípios e estados brasileiros deveriam ter disponibilizado em páginas na rede mundial de computadores as informações detalhadas sobre a execução de suas despesas (prazo se esgotou em 28/05/2013) aproximadamente 12% (20) municípios norte-rio-grandenses ainda não possuem nem site nem Portal da Transparência para o acesso à informação.

Em maio de 2009, a Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei n° 101/00) foi alterada pela Lei Complementar n° 131, determinando que os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário da União, dos Estados, do Distrito Federal e Municípíos disponibilizassem na internet, em tempo real, informações pormenorizadas sobre sua execução orçamentária e financeira.

Pouco mais de dois anos depois, em 2012, a Lei de Acesso à Informação (Lei n ° 12.527/11) veio maximizar a transparência pública, trazendo conceitos e exigências quanto aos pedidos de informações, além de enfatizar normas para a transparência por intermédio dos portais da transparência.

O direito de acesso à informação é um direito fundamental e está vinculado à noção de democracia, impondo à Administração Pública o dever não só de disponibilizar os dados quando requisitados, mas também de divulgar informações de interesse público de forma proativa e rotineira, independente de solicitações.

Os municípios que não atenderem à legislação podem ficar impedidos de receber transferências voluntárias de recursos.

Concedem entrevista coletiva à imprensa o Promotor de Justiça Augusto Carlos Rocha de Lima, coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça do Patrimônio Público (CAOP-PP), do MPRN, o Procurador da República Kleber Martins de Araújo, a Chefe da CGU/RN, Benedita Bruna Camelo Brito, e o Secretário Substituto do TCU/RN, Maurício Jatobá.

Fonte: MPRN

Posto Costa Branca

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/transparencia-apenas-31-dos-portais-das-prefeituras-do-rn-tem-informacoes-de-2015/

abr 22

Rio Grande do Norte pode ter centro de conexões de voo, informa Fátima Bezerra

Senadora potiguar se mostrou entusiasmada com possibilidade de instalação de hub no RN (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)

Senadora potiguar se mostrou entusiasmada com possibilidade de instalação de hub no RN (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)

A senadora Fátima Bezerra (PT-RN) disse que a LAN e a TAM, que formam o grupo de companhias aéreas Latam, estudam a possibilidade de construir, no Aeroporto de São Gonçalo do Amarante (RN), próximo a Natal, um Centro de Conexões de Voos, tanto domésticos quanto internacionais, aumentando as ligações aéreas com Europa, África e América do Norte.

— Imagine o que isso vai significar para o turismo, não só do meu estado, o Rio Grande do Norte, mas para toda a região, já que estamos em uma posição central na Região Nordeste.

A senadora informou que além de Natal, as cidades de Fortaleza e Recife também pleiteiam sediar o novo Centro de Conexões de Voo. Ela reconhece que as outras duas capitais são “concorrentes de peso”, mas ressaltou que Natal tem algumas características que a credenciam para ser a cidade escolhida pela companhia.

— A mais importante é a posição privilegiada em relação ao resto do mundo, diminuindo distâncias, contribuindo, portanto, para melhorar o escoamento das cargas internacionais. Nós ampliaremos o volume de recepção de passageiros, que é hoje de dois milhões e meio por ano lá em São Gonçalo, para seis milhões — afirmou.

Fátima Bezerra disse que a previsão é que o empreendimento atraia de US$ 1 bilhão a US$ 1,5 bilhão em recursos e gere mais de 10 mil empregos.

Agência Senado

Posto Costa Branca

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/rio-grande-do-norte-pode-ter-centro-de-conexoes-de-voo-informa-fatima-bezerra/

abr 22

Sindicatos marítimos de Areia Branca convocam empresas de navegação para negociar o Acordo Coletivo 2015

Francisco Ventura (ao centro) é um dos sindicalistas que atua na negociação do Acordo. (Foto: Carlos Júnior)

Francisco Ventura (ao centro) é um dos sindicalistas que atua na negociação do Acordo. (Foto: Carlos Júnior)

O Sindicato dos Mestres de Cabotagem e Contramestres, Sindicato dos Aquaviários de Máquinas da Marinha Mercante/RN, Sindicato Nacional dos Marinheiros e Moços e Sindicato Nacional dos Taifeiros e Culinários, comunicam a categoria dos marítimos que desde o mês de março, foram enviados propostas de renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT 2015) para todas as empresas de navegação de Areia Branca, que operam no transporte de sal para o Porto-Ilha.

A data-base da categoria dos aquaviários, a partir de 2015, passou a ser em 1º de fevereiro. Os dirigentes sindicais, João Batista Souto, Lenilton do Vale Souza e Francisco Ventura, informam que foram solicitados reajuste salarial acima da inflação, cujo Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC) em 1º de fevereiro foi de 7,13%.

Também serão reajustados os serviços de limpeza de porão, gratificações, e o vale-alimentação. Para algumas empresas serão negociados a participação de dependentes no Plano de Saúde.

Os sindicalistas também informam, que após a assinatura do ACT, com previsão para o mês de maio, serão pagos a todos funcionários marítimos o reajuste retroativo a fevereiro.

Como já é tradição, a primeira empresa a negociar o ACT, será a Navenor, pertencente ao grupo Salinor. Em contato com o superintendente da Navenor, Milton Paniagua, os representantes sindicais foram informados que farão parte da negociação o Diretor Financeiro da Salinor, Marcelo Portugal, e o advogado Paulo Mário, que virão do Rio de Janeiro em data a ser anunciada, exclusivamente para discutir o ACT para o período 2015-2016.

Também será negociado o ACT com as demais empresas no transporte de sal que operam no Terminal Salineiro: Sermapra, Nacional (Maranata), Antônio Carlos Transportes Marítimos que opera na atracação de navios, e em seguida a empresa HB Navegação, quando retornar as atividades.

Friolar

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/sindicatos-maritimos-de-areia-branca-convocam-empresas-de-navegacao-para-negociar-o-acordo-coletivo-2015/

abr 20

UERN quer agregar valor ao sal produzido na região

Universidade busca meios para incrementar industria do sal no RN (Foto: Carlos Júnior)

Universidade busca meios para incrementar industria salineira no RN (Foto: Carlos Júnior)

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) reiniciou os contatos com os governos federal e estadual para a implantação do Centro de Tecnologia do Sal. Com a mudança de dirigentes nos órgãos governamentais, a instituição entende que é necessário retomar o projeto que se encontra nas duas esferas de poder.

O reitor Pedro Fernandes já esteve com o secretário de Desenvolvimento Econômico do Rio Grande do Norte, Paulo Roberto Cordeiro, e na semana passada, tratou do assunto com o Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo.

O professor Pedro Fernandes lembrou que em 2013, o então ministro Marco Antonio Raupp havia assegurado R$ 1,5 milhão para a construção do CTsal e que existe uma emenda de R$ 1 milhão do ex-deputado Betinho Rosado, além de equipamentos no valor de R$ 500 mil adquiridos, através da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Norte (FAPERN).

Em viagem à Brasília, o reitor Pedro Fernandes apresentou projeto ao ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo (Foto: Divulgação/UERN)

O reitor pediu apoio do novo ministro para o projeto explicando que a implantação do CTSAL-RN tem como objetivo desenvolver pesquisas que visam agregar valor ao sal produzido no Estado e também servirá de ponto de apoio para as empresas de produção e beneficiamento do sal do Rio Grande do Norte, prestando informação sobre a qualidade do produto. “Queremos compor forças com a indústria salineira que é uma das nossas principais atividades econômicas do Estado”, pontuou o reitor.

O reitor também esteve em Brasília, com o deputado Beto Rosado, de que recebeu apoio para o Centro de Tecnologia do Sal.”Nossa região produz 97% do sal marinho. Precisamos agregar cada vez mais valor a essa riqueza que temos”, afirmou o parlamentar.

O reitor disse esperar que, com essa nova mobilização, o CTsal seja concretizado, convocando mais uma vez os produtores para reforçar a defesa do projeto.

Com informações de Agecom/UERN. 

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/uern-quer-agregar-valor-ao-sal-produzido-na-regiao/

abr 20

Cotidiano de Areia Branca na Foto do Dia

(Foto: Carlos Júnior)

Cenas do cotidiano em um quiosque à beira do rio. (Foto: Carlos Júnior)

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/cotidiano-de-areia-branca-na-foto-do-dia/

abr 20

MPF quer condenação de ex-prefeito de Extremoz (RN) por improbidade administrativa

O Ministério Público Federal (MPF), por meio da Procuradoria Regional da República da 5.a Região (PRR5), emitiu parecer em que opina pela condenação de Enilton Batista da Trindade, ex-prefeito de Extremoz (RN), por improbidade administrativa. Ele foi absolvido pela 4.ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, e caberá à Segunda Turma do Tribunal Regional Federal da 5.ª Região (TRF5) julgar o recurso interposto pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e o próprio MPF.

Enilton Trindade foi acusado pelo MPF, em ação civil pública proposta pela Procuradoria da República no Rio Grande do Norte, de ocultar documentos públicos relativos a licitações realizadas pelo município para executar convênios firmados com o FNDE em 2002. Segundo o MPF, o ex-prefeito (que exerceu dois mandatos, entre 200 e 2008) forneceu documentação genérica, tendo deixado de apresentar documentos essenciais para a apuração de irregularidades nos procedimentos licitatórios. Posteriormente, a Prefeitura de Extremoz, sob a gestão do prefeito Klauss Francisco Torquato Rêgo, declarou ter dificuldade em encontrar os documentos solicitados pelo MPF.

O MPF ressalta que o gestor público tem o dever de prestar dos contratos realizados, disponibilizando, para isso, os documentos necessários à verificação de regularidade do procedimento adotado. “Enilton Batista da Trindade, ao ocultar documentação referente aos convênios celebrados entre o município e o FNDE, agiu com má-fé, sendo patente o dolo em sua conduta”, diz o parecer.

Fonte: MP-RN

Posto Costa Branca

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/mpf-quer-condenacao-de-ex-prefeito-de-extremoz-rn-por-improbidade-administrativa/

abr 19

Terreno a venda no centro de Areia Branca

Vende-se terreno medindo 4 m por 20 m localizado na Rua Francisco Ferreira Souto, nº 199, centro de Areia Branca-RN.

A propriedade é próxima da igreja Adventista do Sétimo Dia e ao supermercado Rede 10.

Para informações e negociação ligar para (084) 3332-3131.

Link permanente para este artigo: http://vozdeareiabranca.com.br/2015/04/terreno-a-venda-no-centro-de-areia-branca/

Posts mais antigos «